Autor Tópico: FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"  (Lida 70874 vezes)

Description:

0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.

Offline rodrigo w

  • Novato
  • *
  • Posts: 92
  • Sexo: Masculino
  • GUIA-CNC
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #60 Online: 28 de Novembro de 2011, 22:29 »
Seguem as fotos

http://i45.photobucket.com/albums/f69/rwf30/forja3.jpg
FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"


http://i45.photobucket.com/albums/f69/rwf30/forja4.jpg
FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"


http://i45.photobucket.com/albums/f69/rwf30/forja5.jpg
FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"


http://i45.photobucket.com/albums/f69/rwf30/forja2.jpg
FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"


http://i45.photobucket.com/albums/f69/rwf30/forja7.jpg
FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"


http://i45.photobucket.com/albums/f69/rwf30/forja.jpg
FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"



Que coisa boa, minha caixa de refugo acabou em meia hora, restam agora somente bolachas de aluminio!

 Agora que testei o sistem a do queimador, vou dar um tapa e fazer uma peça definitiva,...

 Carlos , obrigado pelo link da areia




Offline mulapreta

  • Moderadores
  • CNCMASTER
  • ******
  • Posts: 1750
  • Sexo: Masculino
  • Não vá dizer que sou isso, aquilo.. porque sou...
  • Cidade - UF: São Paulo - SP
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #61 Online: 28 de Novembro de 2011, 23:56 »
rodrigo,

não sei se é efeito da foto que o maçarico está com a chama quase direta no cadinho. Se for isso, comente este fato se o calor está sendo melhor aproveitado. Quanto tempo esta levando para derreter aprox. 1 Kg. de alumínio.

Parabéns  pelo belo forninho e bom aproveitamento.

Abs.

Edson


Offline rodrigo w

  • Novato
  • *
  • Posts: 92
  • Sexo: Masculino
  • GUIA-CNC
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #62 Online: 29 de Novembro de 2011, 01:57 »
Edson, a idéia era fazer com que a chama fosse direcionada a parede de tijolinho, porém,  pelo tamanho da chama ela acaba por tocar também o cadinho.

 Nas fotos não dá para visualizar, mas a chama acaba por subir dentro do forno fazendo uma espiral. Derreti hoje algo em torno de 1.2Kg, do forno frio até o aluminio chegar na temperatura de fusao deu 20 minutos.

abs

Offline rodrigo w

  • Novato
  • *
  • Posts: 92
  • Sexo: Masculino
  • GUIA-CNC
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #63 Online: 29 de Novembro de 2011, 09:23 »
Retificando , o peso em 20 minutos foi 1,950 g. Pro meu propósito tá excelente, estaria dentro da média?

Offline mulapreta

  • Moderadores
  • CNCMASTER
  • ******
  • Posts: 1750
  • Sexo: Masculino
  • Não vá dizer que sou isso, aquilo.. porque sou...
  • Cidade - UF: São Paulo - SP
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #64 Online: 29 de Novembro de 2011, 11:01 »
Citar
Edson, a idéia era fazer com que a chama fosse direcionada a parede de tijolinho, porém,  pelo tamanho da chama ela acaba por tocar também o cadinho.

 Nas fotos não dá para visualizar, mas a chama acaba por subir dentro do forno fazendo uma espiral. Derreti hoje algo em torno de 1.2Kg, do forno frio até o aluminio chegar na temperatura de fusao deu 20 minutos.

Então o maçarico esta igual ao meu forninho. Realmente a chama circula por dentro e acaba saindo até pelo furo da tampa.

Citar
Retificando , o peso em 20 minutos foi 1,950 g. Pro meu propósito tá excelente, estaria dentro da média?

1,950 Kg. dá para fazer muitas peças... Parabéns.

Abs.

Edson


Offline Carlos Koehler

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 329
  • Sexo: Masculino
  • A pratica conduz à excelência.
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #65 Online: 29 de Novembro de 2011, 13:39 »
Rodrigo,

Parabéns pelo forno, ficou caprichado.

Já ví alguns fornos construidos com essas placas, pois são fáceis de encontrar em casas que vendem material para churrasqueiras de alvenaria, porém acredito que seria importante ter o interior do forno mais circular possível e daí talves desse para dividir mais essas placas utilizando uma máquina para corte de ceramica. É importante também fazer com que a chama seja direcionada entre o cadinho e a parede de refratário para que suba em espiral aquecendo o cadinho por iqual e também que tenha uns 10% de inclinação para a parte de baixo do forno .  O tamanho do cadinho deve ser calculado de modo que fique uns 2 cm de afastamento ou passagem na parte superior do forno, com isso se forma uma camara de combustão na parte baixa do forno e o calor gerado pela chama é melhor aproveitado.

Rodrigo, só uns pitacos aí , sem inteção de desmerecer o seu trabalho, pois como disse ficou otimo e atendeu as expectativas.
Quando tiver mais novidades aí, coloca umas fotos para podermos acompanhar.

Também terminei uma camara de vacuo com vibrador que acredito que será util para utilizar no processo do gesso refratário e amanhã posto umas fotos.

Carlos

Offline rodrigo w

  • Novato
  • *
  • Posts: 92
  • Sexo: Masculino
  • GUIA-CNC
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #66 Online: 29 de Novembro de 2011, 20:26 »
 Carlos,  agradeço as dicas, até pensei em dividir os tijolos ao meio, mas a sujeirada que tava fazendo aqui optei pelo sextavado mesmo, num forno maior acredito que deva fazer a diferença , esse meu é bem pequeno, altura dentro da camara são 23 cm. Segue as fotos do queimador em ação:

http://i45.photobucket.com/albums/f69/rwf30/IMG222.jpg
FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"


http://i45.photobucket.com/albums/f69/rwf30/IMG221.jpg
FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"


Percebi que a maioria utiliza sopradores nas forjas, gostaria de saber se existe tanta vantagem em relação ao sistema venturi?


 Medi meu forno de calcinação, ele mede internamente 62X20x20, marca zezimaq, ele é feito em uma espécie de massa refrataria, e envolta por uma lã que não saberia te falar qual é, possui controlador Novus 1100.

A minha mesa de vácuo, em um dos lados é feita para dar vacuo e vibração nos primeiros 5 minutos no revestimento, depois é feita a inclusão do revestiemento nos tubos e mais 2 minutos de vácuo. No outro lado da máquina seria os  local para se colocar os tubos já calcinados e fazer o vazmamento do metal em vácuo.


abs

Offline Carlos Koehler

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 329
  • Sexo: Masculino
  • A pratica conduz à excelência.
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #67 Online: 30 de Novembro de 2011, 14:41 »

Percebi que a maioria utiliza sopradores nas forjas, gostaria de saber se existe tanta vantagem em relação ao sistema venturi?

/quote]

Acredito que depende do tamanho do forno,  mas acredito que tenha que se usar ventoinha se for utilizar também oleo como combustível em fornos pequenos.

O seu queimador ,você utilizou regulador de pressão ("clik") na botija ou ligou direto?

Offline rodrigo w

  • Novato
  • *
  • Posts: 92
  • Sexo: Masculino
  • GUIA-CNC
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #68 Online: 30 de Novembro de 2011, 16:17 »
Carlos

 Liguei direto, alta pressão.  Como tudo relacionado a forja é novidade pra mim , vou tentar fazer depois um bico injetor de óleo, usando tambem o sistema venturi só que com ar comprimido, creio que depois do forno estar aquecido, se eu borrifar óleo ele deve queimar, mas confesso que se sair muita fumaça ou fizer barulho, vou manter no gás.

 Comprei hj a areia, só não sei se foi a certa, todos falam em areia verde, na Comil me falaram areia sintética. Aproveito pra perguntar se é só ela ou preciso de mais alguma coisa pra começar a brincar?

abs

Offline Carlos Koehler

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 329
  • Sexo: Masculino
  • A pratica conduz à excelência.
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #69 Online: 30 de Novembro de 2011, 21:12 »
Rodrigo,

Você deve precisar de pelo menos de uma caixa para  moldagem e o restante é detalhe, os aditivos para melhorar o alumínio, licopódio ou grafite para ajudar a desmoldar a peça. Procure por videos no you tube sobre fundição de alumínio, tem alguns que explicam muito bem o processo. Já assisti varias vezes e sempre aprendo um ou outro detalhe.

Boa sorte

Offline rodrigo w

  • Novato
  • *
  • Posts: 92
  • Sexo: Masculino
  • GUIA-CNC
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #70 Online: 01 de Dezembro de 2011, 18:39 »
Carlos, quais os aditivos que vc usa? Consegui alumas amostras de refinador de grão, desgasificante e limpador de escória, minha preocupação futura é a quantidade minima fornecida, sacos de 25 Kg, pra hobby fica inviavél.

abs

Offline Carlos Koehler

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 329
  • Sexo: Masculino
  • A pratica conduz à excelência.
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #71 Online: 01 de Dezembro de 2011, 20:16 »
 Com esse pessoal você consegue tudo que vai precisar e em quantidades pequenas.  www.sitiodaarte.com.br

 Enconrtrei aqui uma receita de massa refratária de baixo custo e que pode ser usada com tijolinhos comuns de churrasqueira.

Massa refratária
 
1 lata 20 lts de Terra que tenha bastante liga.
2,5 kgs de Açúcar Cristal
2 Kgs de cimento comum
* Água de preferancia sem cloro

MODO DE PREPARO:

1- Colocar a terra em cima de uma lona plástica ou em um recipiente grande ou conforme a quantidade desejada, em seguida, misture o açúcar em pouca água, (o necessário para diluí-lo)
2- Adicione a água com açúcar na terra e vá mexendo bastante, (não encharcar)
3- amassar bem a mistura até que fique uma massa que dê uma boa liga, (se precisar, vá adicionando água, mas tome cuidado para não virar lama)
4- por ultimo, adicione o cimento e continue batendo o barro até ficar uma mistura homogênea.

Obs:
1- Em algumas áreas é difícil de conseguir esse tipo de terra, neste caso, pode ser usada terra de formigueiro.
2- Molhar os tijolos e esfregar a massa em cada um deles conforme for acentando. (isso evitará que eles se soltem da massa depois de secos).
3- Deixar o forno descansar pelo menos cinco dias antes de acendê-lo

Offline marcelodrs

  • Novato
  • *
  • Posts: 3
  • Sexo: Masculino
  • GUIA CNC
  • Cidade - UF: Chapecó/SC
  • Nome:: Marcelo da Rosa e Silva
  • Profissão: empresário
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #72 Online: 16 de Fevereiro de 2012, 15:00 »
Boa tarde a todos. Meu nome é Marcelo e sou um curioso nesta arte da fundição... Venho pesquisando o assunto avidamente na internet e quero parabenizar a guiacnc pela qualidade do material que disponibiliza, em especial aos participantes deste forum, que com desprendimento e comprometimento vem postando comentários que são verdadeiras aulas sobre o tema...
Amigos o negócio é o seguinte. Atualmente atuo no ramo da advocacia, mas até pouco tempo atrás trabalhava como distribuidor de produtos de higiene industrial, mais especificamente na área da agroindústria. Ocorre que, como curioso que sou e tendo muita dificuldade em conseguir equipamentos  eficientes e de baixo custo para aplicação dos meus produtos, acabei por desenvolver um projeto próprio, do qual requeri patente. Ocorre que o danado ficou melhor do que a encomenda, o que me proporcionou comercializá-lo entre clientes e fornecedores, obtendo ganhos extras nada desprezíveis. com o tempo, fui melhorando a máquina e diminuindo-a, chegando no modelo das fotos, hoje todo confeccionado em aço inox (parte usinado, parte em peças obtidas no mercado). Só que como atualmente parei de trabalhar no ramo dos produtos químicos, o meu mercado (estranhamente) se expandiu, abrangendo meus antigos concorrentes, que sempre demonstraram interesse em obter este equipamento.
Desta forma, pensei em fabricar um modelo com aparência mais comercial, fundido em um corpo único em latão ou bronze (que depois seria cromado), com a minha logo e modelo impressos. A demanda ainda não é grande, de forma que pensei em iniciar com um forninho caseiro, que me permitisse fundir cerca de 10 a 20 máquinas por final de semana (para não atrapalhar a nova carreira).
E é por aí que começam as dúvidas: Qual o sistema seria mais adequado para começar, areia verde, isopor, ou outro? Que tipo (gás, óleo, carvão, elétrico) e tamanho de forno? Que temperatura deveria atingir o forno para fundir o bronze ou latão (e inox?)? Enfim, se puderem sanar algumas dessas dúvidas, fico imensamente grato e me coloco à disposição... Grande abraço a todos!


Offline Carlos Koehler

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 329
  • Sexo: Masculino
  • A pratica conduz à excelência.
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #73 Online: 16 de Fevereiro de 2012, 16:27 »
Olá Marcelo,
 Acho que você deve avaliar bem se vale a pena realmente produzir você mesmo a peça, que me parece seria apenas o corpo da válvula, já que o restante é comprado pronto, a não ser que você pense em adquirir um torno mecânico e fabricar o restante também.
 Se estiver resolvido mesmo a fazer, sugiro você pense em uma coquilha, já que as peças são todas identicas e produzidas em quantidade.
 Quanto ao forno, tem bastante informação aqui no fórum e a temperatura de fusão do bronze é acima de 700ºC, o inox esqueça, pois não é possível fundir nesses forninhos.

Offline marcelodrs

  • Novato
  • *
  • Posts: 3
  • Sexo: Masculino
  • GUIA CNC
  • Cidade - UF: Chapecó/SC
  • Nome:: Marcelo da Rosa e Silva
  • Profissão: empresário
Re:FUNDIÇÃO GERAL "HOMEMADE"
« Resposta #74 Online: 16 de Fevereiro de 2012, 18:38 »
Olá Carlos, obrigado pela informação.

Quanto ao equipamento, trata-se de um gerador de espuma, que consiste naquele tee de inox, acoplado à peça usinada em inox, que nada mais é do que um dispositivo venturi, só que construído em um sistema diferenciado, regulável, e adptável à diversas situações de pressão de água, bem como diversas utilizações, conforme se substitui o miolo dele (essa é a parte que patenteis, já que o sistema venturi é de domínio público). As peças periféricas (espigões e válvulas, continuariam separadas. A minha idéia seria produzir um bloco fundido em bronze, fazendo os machos (em areia?) e deixando o interior da máquina pré-acabado, faltando inserir poucas peças, as quais já mando usinar em separado.
A minha intenção é dar um aspecto mais profissional e comercial no equipamento, além de eliminar emendas "perigosas",  pois o segredo do excelente funcionamento desta máquina está muito vulnerável neste modelo, onde tudo é desmontável.
Desenvolvi outros equipamentos para aplicação e diluição de produtos químicos, os quais também mando usinar hoje, pois não tenho estrutura e não teria tempo para me dedicar a esta atividade (como hobby ela é mais lucrativa pra mim). Tenho outros projetos em prancheta também, os quais gostaria de colocar em prática e me pareceu uma boa idéia conciliar estas idéias com a possibilidade de aprender um ofício que sempre me fascinou e que abre outras possibilidades relacionadas ao "hobby lucrativo"...
Quanto às quantidades, ainda não são significativas que justifiquem investimentos significativos. De toda forma, ainda tenho um estoque de peças para produzir o suficiente até dar os primeiros passos e adquirir um pouco de experiência e deixar o protótipo apresentável, pois a parte interna precisaria apenas ter as cavidades para a implantação do sistema que é usinado com precisão.
Carlos, mais uma vez obrigado pelo retorno. Tenho apreciado bastante suas postagens (e aprendido muito com elas). Espero poder dedicar o mesmo capricho e cuidado que você nos trabalhos que vier a desenvolver. Se precisar de algo aqui do "velho oeste" catarinense, é só pedir.

Abraço.