Autor Tópico: Spindle Nacional x importado  (Lida 24904 vezes)

Description:

0 Membros e 3 Visitantes estão vendo este tópico.

Offline havell

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 645
  • Sexo: Masculino
  • Verifique se o esforço vale o resultado.
  • Cidade - UF: Rio de Janeiro
  • Nome:: Pedro Athayde
  • Profissão: Estudante
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #60 Online: 15 de Junho de 2012, 22:47 »
E por ultimo... Notei que pela potencia que encontraram no spindle chinês ele tem um rendimento de 38%...


eu sou bem ruim de matemática...

mas se oque vale é oque está na placa e não oque é consumido...

de acordo com as minhas contas (baseadas em 736W por cv) o spindle brasileiro apresenta rendimento superior a 100% .

cheguei a conclusão que ele é melhor que um moto continuo, pois ainda é capaz de gerar energia de sobra  :o...

faz sentido ou está errado ?



Offline Jackson Luz & Cena

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 330
  • Sexo: Masculino
  • ...Nada se cria, nada se perde. Tudo se transforma
  • Cidade - UF: Aracaju - SE
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #61 Online: 16 de Junho de 2012, 00:53 »
enviamos os mesmos Spindles para análise em Universidade especializada em medição de torques e potências de Motores, a fim de termos testes comprovativos e laudos emitidos por órgãos competentes.


Felipe, boa noite
 
Numa questão desse porte, seria necessário que os teste fossem realizados por um órgão oficial, para que seja gerado um laudo técnico definitivo.
 
Ao meu ver, enviar os mesmos motores para alguma Universidade, não seria tão convincente até porque apenas uma amostra de cada para o que se quer saber, não implica em representatividade alguma.
 
Perceba que já há falhas nesse procedimento face a Universidade ter aceitado a proposta e nem notou a precariedade do número de amostras (amostra pontual), além de provavelmente estarem em greve geral.
 
Por conhecer um pouco do ambiente universitário, e alguns métodos para se tratar resultados analíticos, entendo que desta forma os valores poderão ser insatisfatórios e muito demorados.
 
Devido ao tipo de divulgação sobre a qualidade de produtos, "Tecmaf x Chinês", seria ainda mais seguro se os testes fossem aplicados em várias marcas chinesas, face à generalização.
 
Gostaria de saber se o pessoal aqui concorda com isso.
 
Jackson Luz
 
 
 
 

Offline Edimar

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 342
  • Sexo: Masculino
  • "Se te derem limões, faça uma limonada!"
    • Hobby
  • Cidade - UF: Bauru/SP
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #62 Online: 16 de Junho de 2012, 02:55 »

[/quote]

 Um spindle não chega á ser tão quente, principalmente os refrigerados à água, a utilização de rolamentos de cerâmica é porque é mais dura, logo tem mais resistência ao desgaste.

  Uma tupia de 500w já corta MDF igual manteiga, um spindle de 1cv ou mais deve ser panejado para cortar alumino com tranquilidade. Creio que a vibração e a força radial aplicada nos rolamentos usinando alumínio, não seja tão grande a ponto de influenciar drasticamente na vida útil dos rolamentos...
[/quote]


Não se trata aqui de potência, mas sim do ambiente de trabalho a que os rolamentos estarão submetidos. Por ser um material mais duro do que o MDF, o alumínio fará com que o conjunto eixo, rolamentos e apoios trabalhem sobre um ruido de alta frequencia que trará problemas mais rapidamente ao rolamentos cerâmicos. Alie-se a isso a altíssima velocidade, a temperatura e a rigidez da construção requerida no conjunto.

Offline F.Gilii

  • Administrador
  • CNCMASTER
  • *******
  • Posts: 13781
  • Sexo: Masculino
  • Consultoria, Automação e Construção de Máquinas
  • Cidade - UF: Atibaia - SP
  • Nome:: Fabio Gilii
  • Profissão: Tec. Mecanica de Precisão
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #63 Online: 16 de Junho de 2012, 07:34 »
Caro Sr. Felipe,

Agradeço sua atenção e disponibilidade em vir aqui e participar desta conversa tão interessante e que contém informações muito valiosas para nós, interessados em todos os aspectos que giram em torno do assunto, pois muitos de nós são além de hobistas, empresários, fabricantes de máquinas prestadores de serviço além de formadores de opinião...

     Muito me espantou a surpresa de alguns usuários sobre a real potência dos Spindles 3cv chineses (cabe uma observação aqui que em nosso E-mail Marketing não pronunciamos a marca do Spindle Chinês, haja visto que existem inúmeros fabricantes destes produtos no país asiático). ...

...     Não estamos dizendo que os Spindles chinenes não têm boa qualidade. Apenas acredito que os revendedores destes Spindles chineses no Brasil, por desconhecerem tecnicamente o produto, repassam a informação relatada pelos fornecedores da China, prejudicando assim o consumidor final. ...
Então poderemos entender que com esta sua afirmação que seus testes não foram feitos com motores da Azanelli em específico, mas talvez com um outro motor qualquer sem marca...

Citar
     Porém, qualquer bom entendedor de Motores Elétricos de Alta Frequência sabe que a potência de um motor é medida através do diâmetro do estator e a massa (peso) do conjunto estatórico (estator/rotor).
Interessante - apesar de não ser um fabricante de motores elétricos tenho muito interesse em conhecer tais detalhes técnicos, e agradeceria se pudesse me fornecer alguma informação com relação à este assunto em específico.
 
Citar
     Aí vai a minha questão para a análise dos amigos do Guia:
     - Como pode o Spindle da Tecmaf ter o diâmetro externo de 80mm e ter 1,2cv e o Spindle chinês também ter o diâmetro externo de 80mm e ter 3,0cv?
     A  resposta que chegamos é a seguinte: ou a Tecmaf (e outros fabricantes de Spindles mundialmente conhecidos, como Elte, Giordano Colombo, HSD, Teknomotor) estão errados no cálculo de potência de seus Motores ou o Spindle Chinês contém informações errôneas.
Bem, segundo sua afirmação citada acima - " Porém, qualquer bom entendedor de Motores Elétricos de Alta Frequência sabe que a potência de um motor é medida através do diâmetro do estator e a massa (peso) do conjunto estatórico (estator/rotor)", entendemos que tamanho externo não é a questão mandatória na potencia.

Citar
     Com relação aos testes realizados com os Spindles Tecmaf e Chinês, os mesmos foram realizados em um fabricante de máquinas routers CNC, e posteriormente em bancada de testes. Este cliente utilizava Spindles chineses, e devido a alguns problemas com estes produtos, resolver testar os nossos motores.

Seria interessante saber que empresa fabricante de máquinas fez estes testes e quais foram os critérios usados nestes testes e quais foram os resultados .

Citar
     Como nosso dinamômetro não emite laudos técnicos, também enviamos os mesmos Spindles para análise em Universidade especializada em medição de torques e potências de Motores, a fim de termos testes comprovativos e laudos emitidos por órgãos competentes. Assim que tivermos o resultado desta análise, comunicarei os amigos para que possamos compartilhar as informações.
Aguardamos ávidamente por estes resultados também...

Obrigado pela sua participação no esclarecimento deste assunto tão importante para nossa comunidade.

Fabio Gilii

Offline mulapreta

  • CNCMASTER
  • ******
  • Posts: 1750
  • Sexo: Masculino
  • Não vá dizer que sou isso, aquilo.. porque sou...
  • Cidade - UF: São Paulo - SP
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #64 Online: 16 de Junho de 2012, 12:17 »
...
     Muito me espantou a surpresa de alguns usuários sobre a real potência dos Spindles 3cv chineses (cabe uma observação aqui que em nosso E-mail Marketing não pronunciamos a marca do Spindle Chinês, haja visto que existem inúmeros fabricantes destes produtos no país asiático). ...

...     Não estamos dizendo que os Spindles chinenes não têm boa qualidade. Apenas acredito que os revendedores destes Spindles chineses no Brasil, por desconhecerem tecnicamente o produto, repassam a informação relatada pelos fornecedores da China, prejudicando assim o consumidor final. ...
Então poderemos entender que com esta sua afirmação que seus testes não foram feitos com motores da Azanelli em específico, mas talvez com um outro motor qualquer sem marca...
Gilii,
Com todo respeito, o Sr. Felipe não excluiu os motores Azanelli da lista dos analisados, pelo contrário, continua afirmando que somente seu motores têm as potências reais.

Citar
Obrigado pela sua participação no esclarecimento deste assunto tão importante para nossa comunidade.

Fabio Gilii

Não agradeça, as declarações vieram colocar mais dúvidas sobre o assunto. Estou cansado de ouvir os mesmos tipos de discursos nas tribunas do congresso...Fala, fala, fala e não diz nada!

Edson

Offline Jackson Luz & Cena

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 330
  • Sexo: Masculino
  • ...Nada se cria, nada se perde. Tudo se transforma
  • Cidade - UF: Aracaju - SE
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #65 Online: 16 de Junho de 2012, 12:29 »
Com relação ao peso dos produtos, o Spindle chinês é mais pesado que o Spindle Tecmaf pois a carcaça do motor do Spindle chinês é feita em aço (gerando maior oxidação causada pelo líquido refrigerante), enquanto o Spindle com refrigeração líquida Tecmaf possui a carcaça do Motor em alumínio.
Não estamos dizendo que os Spindles chinenes não têm boa qualidade.
comprovamos a enorme diferença de potência contida na plaqueta/motor e a real potência do Spindle Chinês 3cv.

Finalmente, com toda esta diferença de potência e sendo os chineses mais susceptíveis à enferrujamento, estes produtos  têm ou não qualidade?
 
     Apenas acredito que os revendedores destes Spindles chineses no Brasil, por desconhecerem tecnicamente o produto, repassam a informação relatada pelos fornecedores da China, prejudicando assim o consumidor final.

Quem ou qual fabricante chinês estaria agindo de má fé cometendo crime de adulteração?
 
Att,
 
Jackson Luz

Offline Cássio Alvarenga

  • Moderador
  • CNCMASTER
  • ******
  • Posts: 3429
  • Sexo: Masculino
    • www.vatech.ind.br
  • Cidade - UF: Belo Horizonte - MG
  • Profissão: Empresario / Engenheiro Mecânico
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #66 Online: 16 de Junho de 2012, 13:34 »
Sendo os chineses mais susceptíveis à enferrujamento

 Fabrico à 6 anos sistemas de refrigeração liquida para PCs e posso afirmar com toda certeza que este problema pode ser completamente excluído, utilizando corretamente aditivos para radiador que se encontra em qualquer posto de gasolina. 

  Não é uma GRANDE vantagem o spindle ser de aluminio neste aspecto.

Offline Azanelli

  • Novato
  • *
  • Posts: 14
  • Sexo: Masculino
  • GUIA-CNC
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #67 Online: 16 de Junho de 2012, 14:55 »
Com relação ao peso dos produtos, o Spindle chinês é mais pesado que o Spindle Tecmaf pois a carcaça do motor do Spindle chinês é feita em aço (gerando maior oxidação causada pelo líquido refrigerante), enquanto o Spindle com refrigeração líquida Tecmaf possui a carcaça do Motor em alumínio.



Os Spindles Chineses comercializados pela Azanelli tem seu corpo externo em Inox e o Interno por onde cirula o liquido refrigerante em Alumínio. A tampa traseira onde se encotra os conectores de Mangueiras também, são em Alumínio.

Desconheço que algum destes materiais seja vulneravel a Ferrugem, (me corrijam se estiver errado). Não interessa o material que é feito a carcaça do Spindle, mas sim por onde flui o liquido refrigerante.

Citar
     Aí vai a minha questão para a análise dos amigos do Guia:
     - Como pode o Spindle da Tecmaf ter o diâmetro externo de 80mm e ter 1,2cv e o Spindle chinês também ter o diâmetro externo de 80mm e ter 3,0cv?
     A  resposta que chegamos é a seguinte: ou a Tecmaf (e outros fabricantes de Spindles mundialmente conhecidos, como Elte, Giordano Colombo, HSD, Teknomotor) estão errados no cálculo de potência de seus Motores ou o Spindle Chinês contém informações errôneas.


Se o texto acima tiver alguma lógica, vocês poderiam me explicar como é que pode Spindle Italiano da Marca HSD citada pelo Sr, Felipe  e FIMEC comercializada pela AZANELLI, ambos ter um corpo de 82mm e ter 3KW de potencia (4cv)??

segue em anexo os dados Técnicos dos Spindles mencionados com todas as Caracteristicas Elétricas e Medidas
« Última modificação: 16 de Junho de 2012, 15:05 por Jost Dayan »

Offline minilathe

  • How to ask questions - The Smart Way...
  • Moderador
  • CNCMASTER
  • ******
  • Posts: 4295
  • Sexo: Masculino
  • http://science-lakes.com/article43-html.html
  • Cidade - UF: Rio de Janeiro - RJ
  • Nome:: Gil Pinheiro
  • Profissão: Engenheiro e professor universitário
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #68 Online: 17 de Junho de 2012, 08:43 »
Num motor de indução, o torque é proporcional a corrente, ao comprimento do rotor / estator e ao raio do rotor. A potência do motor é o produto torque x velocidade.

Concui-se que pode-se aumentar    a potência do motor sem necessariamente alterar o raio, ou o diâmetro do motor.

Offline Azanelli

  • Novato
  • *
  • Posts: 14
  • Sexo: Masculino
  • GUIA-CNC
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #69 Online: 17 de Junho de 2012, 16:10 »

     Porém, qualquer bom entendedor de Motores Elétricos de Alta Frequência sabe que a potência de um motor é medida através do diâmetro do estator e a massa (peso) do conjunto estatórico (estator/rotor).
     Aí vai a minha questão para a análise dos amigos do Guia:
     - Como pode o Spindle da Tecmaf ter o diâmetro externo de 80mm e ter 1,2cv e o Spindle chinês também ter o diâmetro externo de 80mm e ter 3,0cv?
     A  resposta que chegamos é a seguinte: ou a Tecmaf (e outros fabricantes de Spindles mundialmente conhecidos, como Elte, Giordano Colombo, HSD, Teknomotor) estão errados no cálculo de potência de seus Motores ou o Spindle Chinês contém informações errôneas.
     A conclusão e análise desta questão eu repasso para os amigos tomarem!

Felipe dos Santos
Gerente de Vendas / Sales Manager
Tecmaf Divisão de Montagens Industriais Ltda.


Num motor de indução, o torque é proporcional a corrente, ao comprimento do rotor / estator e ao raio do rotor. A potência do motor é o produto torque x velocidade.

Conclui-se que pode-se aumentar    a potência do motor sem necessariamente alterar o raio, ou o diâmetro do motor.

Obrigado Minilathe por responder a Questão de nosso amigo.

Offline Bambam

  • Novato
  • *
  • Posts: 90
  • Sexo: Masculino
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #70 Online: 17 de Setembro de 2012, 15:46 »
Diante de todo esse exposto a Azanelli deveria fornecer alguns fornecedores e os respectivos preços dos rolamentos para reposição indicando
a qualidade e a durabilidade dos mesmos.

Acho que seria um serviço de utilidade ao consumidor que se sentiria mais ´tranquilo´ e garantido em saber que iria comprar um spindle
e na eventualidade de um problema no rolamento já saber tres ou quatro fornecedores (nacionais de preferencia) para a substituição
da peça, já que após essas 11 páginas já temos um material completo de substituição do rolamento.

Eu ficaria bem mais tranquilo adquirindo um Spindle sabendo que as peças que mais se desgastam podem ser substituiídas sem maiores
problemas..

(coloquei essa mensagem em outro tópico por engano, como não tenho como apagar coloquei aqui que é o lugar correto)

Offline F.Gilii

  • Administrador
  • CNCMASTER
  • *******
  • Posts: 13781
  • Sexo: Masculino
  • Consultoria, Automação e Construção de Máquinas
  • Cidade - UF: Atibaia - SP
  • Nome:: Fabio Gilii
  • Profissão: Tec. Mecanica de Precisão
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #71 Online: 17 de Setembro de 2012, 16:08 »
A Azanelli é um importador e fornece suporte técnico aos produtos que representa e vende...

A empresa tem laboratório próprio de manutenção e tem seus fornecedores de rolamentos apropriados para seus motores...

Creio que isso basta para a grande maioria dos clientes que compram deles.

No caso de motores comprados de fora, fica a cargo de quem comprou procurar suas alternativas para fazer manutenção adequada...

Offline cruzato

  • Novato
  • *
  • Posts: 69
  • Sexo: Masculino
  • GUIA CNC
  • Cidade - UF: GUARIBA-SP
  • Nome:: Leonardo Cruzato
  • Profissão: Eng. Eletrico
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #72 Online: 27 de Janeiro de 2015, 21:08 »
Trabalhei em uma empresa o qual nos fabricávamos maquinas para madeira.

La também nos usávamos os  Motores da Tecmaf   ele supria a necessidade mas os motores Italianos , chegamos a comprar alguns é uma coisa loca. Digo de partida são os melhores que já vi.

Offline vieirajp

  • Hobby
  • ****
  • Posts: 267
  • Sexo: Masculino
  • Forum GUIA CNC - A Maior comunidade CNC do Brasil
  • Cidade - UF: Fernandópolis
  • Nome:: Reginaldo Vieira
  • Profissão: Funcionario publico
Re:Spindle Nacional x importado
« Resposta #73 Online: 28 de Junho de 2018, 06:31 »
Olá Pessoal,


 Sei que já se passou muito tempo, 6 anos, mas para quem esta a procura de um spindle vale a pena passar por aqui afinal a tecmaf ficou devendo explicações e partindo deste principio acho que minha melhor opção é realmente a Azanelli.


  Eu que sei nada de motor, pela leitura deste tópico já ficou claro, nunca tive um spindle e tão pouco uma tupia, mas imagino que qualquer tipo de vento em cima de um corte de MDF seja negativo ou positivo vai fazer um poeirão só aqui no alpendre de casa, a minha experiencia foi cortar a mesa de sacrifício da maquina com uma serra circular e partindo desta experiencia que decidi pela refrigeração liquida que posteriormente um aspirador.
 Alguém me recomendaria o spindle de 2.2Kw da Azanelli?
  Importar do aliexpress e totalmente inviável visto o preço do $


Att,
Reginaldo